Magazine do Xeque-Mate

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Em debate do MediaOn A preocupação com a nossa força na internet por um correspondente da BBC News



Xeque- Marcelo Bancalero

Como podemos ver no vídeo existe uma preocupação com as redes sociais. Essa é uma manifestação do correspondente da BBC News.
Fico imaginando (e me deliciando),com o que está passando na cabeça dos nossos jornalistas.
A nossa força é muito maior do que podemos imaginar
Quem sabe está tentando um jeito de incorporá-la a seu favor.





É importante que não deixemos que venham nos manipular pela internet, como fizeram com os jornais e redes de TV.
Esse é nosso território.
Empresas já admitem o uso das redes sociais no trabalho (Veja AQUI)
Precisamos urgente de uma secretaria das redes sociais vinculada ao Ministério da Comunicação como já disse (Veja AQUI)
Pois Dilma terá grande trabalho e nós podemos ajudar (Veja AQUI)
Enquanto isso estamos todos juntos de olho na mídia comos verdadeiros Fiscais da Mídia.
Seja você também um colaborador! AQUIAQUI





Matthew Eltringham, editor da BBC News, aborda redes sociais como ferramenta para jornalismo

Debatedores participam do quarto painel do MediaOn 2010Foto: Ricardo Matsukawa/Terra

HERMANO FREITAS
VAGNER MAGALHÃES
Direto de São Paulo


DMediaOn: BBC diz que é preciso mostrar como o jornalismo é feito
10 de novembro de 2010  19h20  atualizado em 11 de novembro de 2010 às 00h13


Veja no link abaixo o vídeo e as fotos

No debate "Quem são os agentes da nova era do jornalismo", do 4º Seminário Internacional de Mídia Online (MediaOn), realizado na tarde desta quarta-feira, em São Paulo, o editor de interatividade e desenvolvimento de mídias sociais na BBC News Matthew Eltringham, afirmou que com a consolidação das mídias sociais é necessário abrir a cortina e mostrar como o jornalismo é feito.
"As redes sociais exigem um jornalismo mais transparente e nos levarão para um jornalismo mais honesto. Elas exigem transparência e prestação de contas. Sempre haverá alguém que sabe mais sobre o que você está escrevendo", disse.
De acordo com ele, as habilidades nas mídias sociais são imprescindíveis para o jornalismo do século XXI. "O jornalista precisa saber o que funciona em cada mídia social. Cada uma delas tem a sua especificidade."
Eltringham disse que pesquisas apontam que os usuários passam 1 minuto no site da BBC e 11 no Facebook. "Se você não estiver lá, estará perdendo audiência. É preciso engajar a audiência em seu jornalismo", disse.
Para Julian Gallo, jornalista argentino especializado em tecnologia e meios interativos, o bom jornalismo precisa suspeitar de tudo o que é publicado nas redes sociais.
"Eu, às vezes, não acredito nem no que eu toco. Os mecanismos que uma corporação de notícias tem para verificar a autenticidade dos conteúdos são amplos. Mas há informações que são impossíveis de ser verificadas. É preciso ter senso comum sobre quais são as fontes confiáveis", disse.
MediaOn
O MediaOn, encontro realizado anualmente pelo Terra e Itaú Cultural, é um dos principais fóruns de debates sobre jornalismo digital e novas mídias. O evento, que tem apoio das redes de televisão CNN e BBC, tem transmissão ao vivo e é realizado entre os dias 9 e 11 de novembro.
Os debates contam com a presença de representantes de veículos brasileiros, da América Latina, Europa e Estados Unidos. O tema do evento deste ano é "Os novos caminhos do jornalismo: o que a audiência quer consumir e como?".

License Creatve Crommons

Postagens populares

Arquivo do blog

Anuncios

Anuncios
Custo Benefício Garantido