Magazine do Xeque-Mate

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Alckminésia leva pito de Juíza... "esqueceu da Alston governador?"

Xeque - Marcelo Bancalero

Será mesmo que estes tucanalhas acreditam que isso tudo vai dar em nada?


Ainda acreditam que o mentirão que criaram contra o PT, dará respaldo para que o povo não enxergue toda a corrupção tucana?

Leia;


Juíza passa pito em Alckmin: “esqueceu da Alstom, governador?”

7 de novembro de 2013 | 09:54
O teatrinho de indignação do governador Geraldo Alckimin, quando surgiu a confissão da Siemens que havia pago propinas para conseguir contratos com o governo paulista, foi definitivamente pro brejo.
A juíza Celina Kiyomi Toyoshima, da 4ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo, mandou Alckmim refazer a ação, incluindo outras empresas acusadas de conluio, entre elas a famosa Alstom, a francesa de bico grande junto aos tucanos.
É a Folha quem diz que o  pedido do governo “foi tratado como piada” nos meios jurídicos por só citar a Siemens. “Advogados diziam que a Procuradoria-Geral do Estado criara com a ação uma anomalia semelhante à quadrilha de um homem só: era o cartel de uma empresa só”, diz a matéria.
“Só” faltaram a Alstom e outras dez>  Bombardier, CAF, Mitsui, Tejofran, IESA, Temoinsa, Ttrans, MPE, Hyundai-Rotem e Adtranz. Destas, a Tejofran, pertencente ao “Português” do tucanato,  Antonio Dias Felipe,desde o tempo de Mario Covas, é a de maior potencial explosivo: tem contratos com o governo em praticamente tudo: de faxina a reforma de trens, passando por diversos pedágios

Por: Fernando Brito

License Creatve Crommons

Postagens populares

Arquivo do blog

Anuncios

Anuncios
Custo Benefício Garantido