Magazine do Xeque-Mate

domingo, 22 de julho de 2012

Urgente! Marcos Valério denuncia falácia da revista Veja publicada neste domingo 22/07/2012

Xeque - Marcelo Bancalero

Essa revistinha  fajuta,  que  nem pra ser usada em  banheiro público  na falta de papel higiênico, acaba de  "fabricar" mais uma falácia!
Mas  a blogosfera  agiu  rápido  e trouxe  as  informações verdadeiras para que a população não seja   enganada!
Vamos ajudar a divulgar essa mentira nas redes sociais.
Faça parte desse time que não aceita mais  manipulações do PIG ( Partido da Imprensa Golpista)

Veja a nota  do próprio Marcos Valério à respeito das mentiras da Veja que saíram neste domingo logo abaixo que foram publicadas com exclusividade no Facebook na página Cidadania Plena 




Curtiu · há 13 minutos 







NOTA AO POVO BRASILEIRO

Sempre acreditei na justiça de meu país.

Minha atuação profissional sempre foi exercida dentro dos parâmetros da Lei.

E a comprovação do que afirmo é evidenciada pela recente decisão do TCU acerca do “bônus de volume” e que o país todo teve conhecimento.

Com relação à publicação deste fim de semana veiculada em uma única revista, eu tenho a declarar que:

* é fantasiosa e leviana;

* é sintomático que essa mesma revista esteja envolvida com sérias denúncias na CPI do Cachoeira, qualquer pessoa de boa-fé percebe a que interesses atende esta revista semanal.

Eu e minha família, passamos os últimos anos em um autêntico exílio decretado por importantes setores midiáticos. E no exato momento em que a Justiça de meu país tem a confirmação da importante decisão do TCU, não permitirei que meu nome seja usado para tentar encobrir a denúncia de relação tenebrosa – dessa mesma revista semanal – que a CPI do Cachoeira está apurando.

Um forte beijo para meus filhos, papai os ama.

Marcos Valério Fernandes de Souza
Belo Horizonte (MG) em 22/07/2012

==================

A "notícia" FAJUTA que a revista semanal divulgou está disponível em ... http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/marcos-valerio-volta-a-chantagear-lula-e-o-pt
 —


Veja o LIXO midiático abaixo;

Marcos Valério volta a chantagear Lula e o PT

Reportagem em VEJA desta semana mostra que o empresário ameaça revelar ao Ministério Público detalhes de conversas suas com o então presidente

Marcos Valério
Marcos Valério, ansioso às vésperas do julgamento: ameaças ao PT (Eugénio Moraes/Hoje em Dia/Futura Press)
Um dos amigos mais próximos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Paulo Okamotto está há dois meses às voltas com uma missão: o ex-metalúrgico foi encarregado de manter sob controle – e em silêncio – o empresário Marcos Valério. Reportagem publicada em VEJA desta semana revela que, às vésperas do julgamento do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF), o empresário está chantageando mais uma vez Lula e o PT.
Denunciado pelo procurador-geral da República como o operador do maior esquema de corrupção da história, Marcos Valério responde por cinco crimes cujas penas, somadas, podem chegar a 43 anos de prisão. Em maio, ele fez chegar à cúpula do PT uma ameaça: estava decidido a procurar o Ministério Público para revelar detalhes de suas conversas com Lula em Brasília. O ex-presidente sempre negou a existência de qualquer vínculo entre ele e o operador do mensalão.
Paulo Okamotto, hoje diretor-presidente do Instituto Lula, entrou em ação para evitar turbulências. Ele admite ter participado de reuniões com Marcos Valério, mas diz que isso nada tem a ver com ameaças ou chantagens. Indagado se as conversas envolviam assuntos financeiros, ele explicou: “Ele tem uma pendência lá com o partido, de empréstimo, coisa de partido”. Referia-se ao processo em que Valério cobra judicialmente 55 milhões de reais do PT, como pagamento pelos empréstimos fictícios que abasteceram o mensalão.
Okamotto concluiu, em tom enigmático: “Marcos Valério tinha relação com o partido, ele fez coisas com o partido. Eu nunca acompanhei isso. Então, quem pariu Mateus que o embale, né, meu querido?”
O advogado Luiz Eduardo Greenhalgh, petista histórico e também integrante do círculo íntimo de Lula, foi destacado para descobrir se as ameaças, dessa vez, procediam. “Greenhalgh é o pacificador, é quem sempre dá as garantias a ele”, disse a VEJA uma fonte da confiança do empresário. Greenhalgh teria descoberto que tudo não passa de um blefe.
Blefando ou não, é no mínimo estranho que, sete anos depois do mensalão, Marcos Valério continue ameaçando o PT - e o PT continue assombrado com as ameaças de Marcos Valério. 

License Creatve Crommons

Postagens populares

Arquivo do blog

Anuncios

Anuncios
Custo Benefício Garantido