Magazine do Xeque-Mate

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Sítio do Lula: O tiro que saiu pela culatra, verdadeiro dono é parceiro da Fundação Roberto Marinho da Globo




Dono do sítio de Atibaia é parceiro estratégico da FundaçãoRoberto Marinho


A vantagem de só ter coxinha reaça trabalhando no Jornal Nacional é que não entendem nada de povão e acabam dando tiro no pé. Acabam fazendo matérias ridiculamente idiotas.


Daqui para baixo liguem o modo ironia para ler a palavra “escândalo”, hein gente.

Na ânsia de agradar os patrões e atacar o presidente Lula, o Jornal Nacional gastou 3 minutos denunciando um “escândalo”:

Lula passa os fins de semana com a família. Oh!!! Em um sítio em Atibaia, de propriedade de amigos da família. Oh!!!!

“Escândalo” dos “escândalos”: Lula e a família não vão de helicóptero nem de avião para o sítio. Vão de carro! Oh!!!

O “escândalo” de viajar para o sítio aconteceu pelo menos 8 vezes em 2012. Oh!!!

Em 2013 foram 19 fins de semana e feriados. Oh!!! Em 2014, 18 viagens. Oh!!!

Em 2015, 22 fins de semana. Oh!!!

Somando os 4 anos, Lula e a família viajaram 111 vezes para o sítio. Oh!!!

O JN faz as contas e diz: “Em média, uma visita a cada duas semanas”. Oh!!!

Mas o “escândalo” não acabou. Ainda tem o último reveillon! Lula e família não passaram em Paris, nem em Nova York, nem Trancoso, nem em Florianópolis, nem em Copacabana, nem em Fernando de Noronha. Passou no… tchan… tchan… tchan… sítio dos amigos em Atibaia. Oh!!!

Segundo o JN, a fonte é a revista Época, a partir de levantamento no Portal da Transparência do Governo Federal dos deslocamentos entre São Bernardo do Campo e Atibaia dos funcionários que fazem a segurança dos ex-presidentes.

O JN destila veneno e diz “apesar da frequência, o ex-presidente diz que usa o sítio em dias de descanso e que não é o dono, o lugar pertence a amigos. No cartório, o sítio está registrado em nome de Fernando Bittar e Jonas Suassuna, sócios de Fábio Luís Lula da Silva, filho de Lula”.

Ou seja, o JN comprovou no cartório que Lula fala a verdade, mas o telejornal tenta enganar o telespectador dando um tom de suspeita se os donos no cartório são donos de fato do sítio, coisa que qualquer estagiário de jornalismo resolveria perguntando diretamente aos donos.

Acontece que a Globo omite de propósito porque sabe muito bem quem é Jonas Suassuna, um dos donos do sítio. Não é nenhum “laranja”. É muito bem conhecido pela turma da Globo. Fez fortuna produzindo CDs da Bíblia narrados por Cid Moreira. Hoje sua Editora Gol é parceira da Fundação Roberto Marinho e edita 45 publicações de livros e DVD’s dos telecursos e outros títulos.

O outro dono do sítio, Fernando Bitar, é filho de Jacó Bittar, fundador do sindicato dos petroleiros de Paulínia, do PT, ex-prefeito de Campinas e velho amigo de Lula.

Aqui em casa ninguém entendeu qual é a “denúncia”. Ter amigos e passar fins de semana com a família e amigos em sítio de amigos agora é “suspeito”? Então quase todo mundo que eu conheço é “suspeito”.

Vamos traduzir o que o povo, mais cedo ou mais tarde, entende.

Lula, assim como grande parte do povo brasileiro, tem amigos e se visitam, reúnem as famílias para um churrasco, uma pescaria, uma galinhada. Geralmente o anfitrião é quem tem a casa, ou sítio, com mais espaço para lazer, para filhos e netos poderem brincar.

Os hábitos de Lula são simples e mesmo tendo condições de rodar o mundo a passeio todo ano, se quisesse, passa a maior parte dos fins de semana no mesmo sítio dos mesmos amigos a 80 Km de São Bernardo do Campo, onde mora.

Ao contrário do que o JN pretende, a maioria da população que coloca o tico e teco para funcionar, se identifica com Lula.

Ah! O JN ainda tentou requentar uma mal contada estória da dona de uma pequena loja de material de construção que não tem tamanho, nem estoque para suprir vendas de R$ 500 mil e disse que vendeu esse tanto de material para “a Odebrecht” reformar o sítio. Me lembrou o caso Rubnei Quicoli.

Por fim o JN pagou o mico de dizer: “A imprensa atribuiu a propriedade do sítio a Lula em outras ocasiões, como o ‘Portal Terra’ em 29 de dezembro de 2011. E a ‘Folha de S. Paulo’ em 3 de janeiro de 2012. Na época, Lula não corrigiu essas informações publicadas pela imprensa”.

E desde quando Lula tem que ler tudo quanto é “reporcagem” para corrigir? Ainda mais se quem faz as “reporcagens” não faz o dever de casa de ouvir as pessoas de quem falam?

O Instituto Lula respondeu com a elegância que o JN não tem: afirmou que não se responsabiliza pelos equívocos de informação publicados pela imprensa brasileira.

Em tempo: vocês não imaginam como o Brasil é bem melhor quando a gente fica longe de ler os jornalões, nem assiste a Globo. O Brasil tem problemas sim, e temos principalmente que lutar para voltar a gerar mais empregos. Mas é impressionante como a realidade do cotidiano da grande maioria pessoas é diferente da pauta imposta pelo PIG.

Fonte: Netcina

Os petistas, os Judeus, e o nazismo. O que eles têm em comum?





Seja colaborador do Xeque-Mate


Não sou pago por partido ou  qualquer outra instituição.

Meu trabalho é voluntário e para que ele continue  dependo dos meus comp@s colaboradores para isso.

Qualquer ajuda, mesmo R$5,00 que pode ser depositado pela lotérica, tem um grande valor para minha alimentação e moradia e para que eu continue nesta luta pela democracia e justiça social, Lutando dia e noite contra os ataques dessa mídia irresponsável e golpista. 



Quem quiser fazer parte de minha luta, pode fazer isso com deposito mesmo na Lotérica, de QUALQUER valor Para Marcelo Bancalero Conta CAIXA ECONÔMICA ag. 2196 Operação 023 c / c 00004488-3 CPF 125.120.428-71

Caso tenha dificuldade e queria outra conta, me informe via chat, e consigo a de algum amigo em seu banco.

Não sou pago pelo PT   
Quem me ajuda são pessoas simples, como eu e você que querem o retrocesso longe daqui.
Obrigado pela ajuda e compreensão...
Conto com vocês, só tenho vocês e a ajuda de Deus!
Conheça meu trabalho em https://goo.gl/cuGXci

License Creatve Crommons

Postagens populares

Arquivo do blog

Anuncios

Anuncios
Custo Benefício Garantido