Magazine do Xeque-Mate

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Então é Natal?


Natal



                 Vou me esquecer por um momento

Da fome e miséria de tanta gente
De quem nesse instante está morrendo
Vou apagá-los de minha mente

Vou fechar meus olhos, deixa-los vendados
Pra que não veja a mão estendida
Nos sinaleiros pedindo alguns trocados
Fazer de conta não existir essa vida bandida

Assim eu poderei preparar belas mensagens
Declarando pra quem “precisa”, bênçãos do Senhor
Sem me incomodar com esse mundo irreal

Em belas ceias, comer e beber tantas bobagens
Arrotar uma oração, recheada de amor
Essas coisas que fazemos na noite de Natal



(Só pra não esquecermos de orar por essa gente sofrida!)
Marcelo Bancalero

License Creatve Crommons

Postagens populares

Arquivo do blog

Anuncios

Anuncios
Custo Benefício Garantido