Magazine do Xeque-Mate

domingo, 17 de junho de 2012

Eu sabia que o ex-prefeito Jair Cassola se manteria fiel ao grupo politico que mudou a história de Votorantim

Xeque - Marcelo Bancalero

Eu nunca duvidei da hombridade  do ex-prefeito Jair Cassola!
Por mais que a oposição sempre jogava nas redes sociais que ele não apoiaria o prefeito Carlos Augusto Pivetta para a reeleição. Sabia que  o Jair manteria-se fiel a este grupo politico que  um dia ao se unir, acabou com a estagnação politico social que havia nesta cidade.
Agora mais uma vez com o grupo unido em prol do que é melhor para a população, poderemos seguir adiante no crescimento, desenvolvimento social e qualidade de vida do morador de Votorantim.
Mais uma vez a torcida do contra que  dizia que Cassola e Pivetta não estavam se entendendo cai por terra juntamente com as falácias que  despejavam nas redes sociais e nos  becos da cidade.

Parabéns Jair Cassola por  manter-se  fiel ao grupo que continuará  levando nossa Votorantim  ao caminho do sucesso social. 
A cidade que o senhor ajudou a dar uma identidade agradece!




Mais nove partidos decidiram neste domingo (17), em convenções realizadas na Câmara de Vereadores e em um prédio da avenida São João, no bairro Bela Vista, apoiar a reeleição do prefeito de Votorantim, Carlos Augusto Pivetta (PT), e do seu vice, Marcos Mâncio (PMDB), na eleição deste ano.
PRP, PSB, PSD, PT do B, PP, PR, PRB, PRTB e PDT se uniram ao PV, PHS, PPS e PTN, que já haviam declarado apoio em convenção na semana passada, e vão lançar juntos 60 candidatos e candidatas a vereador, que se somarão ainda aos 22 homologados pelos quatro partidos da semana passada.
A coligação “Pra Avançar Ainda Mais” deverá reunir outros três partidos além do PT e PMDB, que encabeçam a chapa. Com o PC do B, PSDC e PSC, cujas convenções ocorrem no próximo dia 23 com PT e PMDB, o grupo formará a maior coligação da história de Votorantim em torno de um candidato.
Em seu discurso, o prefeito destacou a importância da união desses 18 partidos em torno do seu nome. “Este grupo trouxe uma janela para o futuro. Isto não é uma crítica ao passado. Mas o modelo que existia chegou no teto. Tínhamos de avançar e este grupo fez e vai continuar fazendo isto”. disse.
O prefeito afirmou que um bom parâmetro da evolução é que a Festa Junina ocupava parte apenas da praça de eventos em 2001. “Hoje, se abusar, o evento toma conta de quarteirões além da praça. Antes a avenida Gisele Constantino era quase zona rural. Hoje é um corredor de investimentos”.
Para Pivetta, a união dos 18 partidos é uma grande responsabilidade para ele e para o seu vice pela confiança depositada. Mas é também a demonstração de que a cidade está bem representada por todas essas siglas. “Ninguém ouse duvidar da capacidade e da vontade deste grupo”, disse.
O ex-prefeito e presidente do PDT, Jair Cassola, de quem Pivetta foi vice, afirmou que o prefeito demonstrou em seu mandato capacidade administrativa e experiência. “Por isso, ele merece continuar no governo”. Depois, sem dizer o nome, chamou o candidato da oposição de cavaleiro solitário.
Na opinião do ex-prefeito, a população não pode nem pensar em dar o comando da cidade ao adversário do atual prefeito nesta eleição, porque ele não tem capacidade administrativa nem para a sua vida pessoal. “Ele tinha uma empresa com apenas quatro funcionários e ela foi à falência”.
O vice-prefeito Marcos Mâncio e o presidente do PP, Raul Bueno, pediram aos candidatos homologados a vereador que não façam a defesa do grupo quando estiverem em campanha, mas que apenas convidem os eleitores a olhar do lado, porque, se fizerem isto, verão sempre obras do atual governo.



License Creatve Crommons

Postagens populares

Arquivo do blog

Anuncios

Anuncios
Custo Benefício Garantido